Desporto

Gildo Santos e Jone Pedro desfalcam equipa militar

Anaximandro Magalhães |

O base Hermenegildo Santos “Gildo” e o poste Jone Pedro, ambos lesionados, são as baixas da equipa sénior masculina de basquetebol do 1.º de Agosto, que continua a estagiar na cidade do Lubango, Huíla, onde prepara o resgate do título de campeão nacional.

Técnico Pauloa Macedo está a aproveitar a altitude para dar condição física aos seus jogadores
Fotografia: Paulo Mulaza | Edições Novembro

Gildo, de 1,88 metros, 27 anos, continua engessado, imobilização derivada de uma pancada num dos cotovelos, sofrida aquando da disputa da 9ª edição do Torneio Victorino Cunha, ganho pelos militares do Rio Seco, adicionada às conquistas de 2009, 2011, 2012 e 2014, tornando-se deste modo na equipa com mais títulos, cinco no total.
Por sua vez, Jone, de 2,08 metros, 27 anos,  lesionou-se, segundo o técnico dos rubro e negros, Paulo Macedo, no tendão de Aquiles de uma das pernas.
Em declarações ontem ao Jornal de Angola, o número um da hierarquia técnica dos agostinos, que é coadjuvado neste momento apenas por Miguel Lutonda, pelo facto de Aníbal Moreira, outro dos adjuntos, estar a recuperar de intervenção cirúrgica, não se mostra  preocupado com a situação, por no seu entender “dispormos de um grupo de jogadores que nos dão garantias. É bem verdade, que cada um tem a sua especificidade e papel dentro do campo”.
As sessões de treino em regime bidiário, começam com os habituais exercícios de alongamento. A posterior Macedo dá início a componente táctica, ataques cinco contra cinco, saídas em contra-ataque, apanhando a defesa contrária desprevenida, são tal como a defesa homem a homem, alguns dos detalhes a serem exercitados. Passes, desmarcação, bloqueio, corte, lançamento da linha de lances livres, de dois e três pontos, também dominam o treino.
Antes de finalizar, e sem equipas locais para testar as aptidões, os jogadores realizam o rotineiro jogo treino entre os integrantes do plantel, para deste modo o técnico corrigir e aferir o grau de absorção dos conceitos ministrados.
Para a referida época, onde discutirá apenas três troféus, Campeonato Provincial e Nacional, e Taça de Angola, o 1.º de Agosto contratou o extremo-base internacional angolano, Leandro Conceição, ex Galitos de Portugal, o extremo Adilson Ramos, ex-Interclube, o extremo-poste Sebastião Quicambi, ex-ASA, e o poste Eduardo Mingas, ex-Libolo.
De regresso ao clube está também Carlos Cabral, depois de um longo período de empréstimo ao Desportivo da Marinha, formação satélite do Clube Central das Forças Armadas Angolanas.
Garantida está a permanência no grupo, do base de nacionalidade dominicana, naturalizado norte-americano, Emanuel Amauris “Manny Quezada”, 1,86 metros.
O jogador, segundo o treinador Paulo Macedo, é aguardado em Luanda nos próximos dias.
Para a temporada que se avizinha o técnico Paulo Macedo  conta com os préstimos dos seguintes jogadores: Hermenegildo Santos “Gildo”, Islando Manuel, Mutau Fonseca, Edson Ndoniema, Felizardo Ambrósio “Miller”, Mohamed Malick Cissé, Tarcio Domingos, Manny Quezada, Carlos Cabral, Leandro Conceição, Eduardo Mingas, Armando Costa, Sebastião Quicambi, Jone Pedro, Milton Valente e Adilson Ramos.

Tempo

Multimédia