Desporto

Sílvio e Bruno continuam sem data de chegada

Anaximandro Magalhães |

A chegada dos extremos-postes Sílvio Sousa e Bruno Fernando, para integrarem os trabalhos da Selecção Nacional sénior masculina de basquetebol, continua a ser uma incógnita.

Jogador é aguardado para integrar os trabalhos da selecção
Fotografia: José Soares | Edições Novembro

A exactos 17 dias para o arranque da disputa da 29.ª edição do Campeonato Africano das Nações, Afrobasket, a decorrer de 8 a 16 de Setembro, nas cidades de Dakar, no Senegal, e Tunis, na Tunísia, os dois jogadores continuam ausentes devido a compromissos académicos.
Os jogadores, assegurou o seleccionador nacional Manuel Silva "Gi", devem juntar-se ao grupo, em princípio, no decorrer desta semana, uma vez que "as provas do Sílvio devem terminar entre terça e quarta-feira". Hoje às 10h00, no Pavilhão  Arena do Kilamba, a Selecção Nacional dá sequência aos trabalhos técnicos e tácticos, com incidência para os conceitos ofensivos e defensivos, ataques cinco contra cinco, defesa homem a homem e à zona.
Na técnica individual, os atletas, cuja percentagem nos lançamentos é um das lacunas da equipa, voltam a dar continuidade aos arremessos da linha de lances livres, de dois e três pontos, de modo a melhorarem os percentuais. No final da sessão é promovido o habitual jogo treino entre os integrantes do plantel.
Sob a batuta de Gi trabalham agora: Armando Costa e Hermenegildo Santos (bases), Roberto Fortes, Carlos Morais, Leandro Conceição, Gerson Gonçalves "Lukeny", Olímpio Cipriano e Leonel Paulo (extremos), Reggie Moore, Sílvio Sousa e Eduardo Mingas (extremo-poste), e os postes Felizardo Ambrósio "Miller" e Yannick Moreira. Inserida no Grupo B, Angola começa a disputa do Afrobasket, para  o resgate do título, diante do Uganda. Na segunda jornada joga   com  Marrocos e no fecho a República Centro-Africana.

Tempo

Multimédia