Desporto

Técnico William Voigt é o quinto estrangeiro

O novo seleccionador nacional, o norte-americano William Bryant Voigt, é o quinto técnico estrangeiro a dirigir a Selecção Nacional sénior masculina de basquetebol.

Fotografia: M. Machangongo | Edições Novembro

De 41 anos de idade, o técnico, que estabeleceu o vínculo relativo a um ciclo olímpico (quatro anos) com a Federação Angolana de Basquetebol (FAB), integra a lista onde constam o luso-guineense, Mário Palma, Luís Magalhães (luso-moçambicano), Michel Gomez (francês) e Mocho López (espanhol).
Nos últimos oito anos, o combinado nacional foi orientada por cinco treinadores, sendo quatro estrangeiros. Também é a primeira vez que a Selecção de Angola, a mais titulada do continente, com 11 conquistas, é dirigida por um técnico norte-americano.     
Dos técnicos estrangeiros que treinaram os hendecacampeões africanos, apenas dois tiveram sucesso, designadamente, Mário Palma, luso-guineense, com quatro títulos, e Luís Magalhães, que venceu o Afrobasket de 2009, disputado na Líbia.

Tempo

Multimédia