Desporto

Benfica está obrigado a ganhar hoje ao Lyon

Anaximandro Magalhães

Obrigado a ganhar! Esta é a condição a que está remetido o Benfica quando receber hoje, às 20h00, os franceses do Lyon, no Estádio da Luz, na cidade de Lisboa, em partida pontuável para a terceira jornada do Grupo G da Liga dos Clubes Campeões Europeus de Futebol, a Champions League.

Fotografia: DR

Vinda de duas derrotas consecutivas (1-2 na recepção ao Leipzig (Alemanha) e 1-3 no reduto do Zenit (Rússia), resultados que a relegam para a última posição sem qualquer ponto, à equipa portuguesa não resta outra alternativa senão a vitória.
Pois, sedenta de pontos, um empate pode ser confrangedor e decisivo para a atirar pelo terceiro ano consecutivo para fora da fase de grupos.
Sem quererem ficar dependentes de terceiros e agarrados à calculadora, os comandados de Bruno Lage, ainda dependentes de si, tudo vão fazer para encetar uma recuperação e, deste modo, ganharem fôlego para o que resta da competição mais mediática de clubes da Europa.
Neste momento, Lage e pupilos estão a quatro pontos de russos e gauleses, e a três dos alemães, pelo que urge um triunfo para os “encarnados”, cuja utilização de Rafa Silva é ainda uma incógnita.
Nos últimos 20 jogos na fase de grupos da Champions, na qual compete pelo 10º ano consecutivo, o Benfica soma apenas quatro vitórias – duas frente ao Dínamo de Kiev (2016/17) e duas ante o AEK Atenas (2018/19), contra 13 derrotas. Às 17h55, abrem o grupo das águias RB Leipzing - Zenit.
Ainda hoje, às 17h55, destaque para a recepção do Inter de Milão ao Borussia Dortmund, no Grupo F, que também tem agendado para as 20h00 Barcelona - Slavia Praha. Na série H, à mesma hora, o Ajax recebe o Chelsea e o Lille, o Valência. No E, às 20h00, o campeão europeu Liverpool defronta o Genk e o Red Bull Salzburg o Napoli.

Tempo

Multimédia