Desporto

Candidatos confirmam Estatutos e pretensões

Tal como se esperava, as selecções do Egipto, Tunísia e Marrocos confirmaram o estatuto de candidatos ao primeiro lugar das respectivas séries, ao somarem triunfos nas duas jornadas já disputadas nesta 24ª edição do Campeonato Africano das Nações que decorre na capital tunisina, nos pavilhões de Rades e Hamamet.

Fotografia: DR

Os Faraós, crónicos candidatos ao título continental, passaram incólumes pelos adversários e somam quatro pontos na liderança do Grupo A, em parceria com o Congo Democrático.
Na primeira jornada, os egípcios bateram sem apelo nem agravo a frágil selecção do Quénia, por expressivos 44-19, e na segunda venceram a Guiné Conacri, por 39-22.
Já a RDC derrotou a Guiné, por 28-25, e não precisou de jogar para vencer o Quénia, por ausência deste.
Na série C, a Tunísia foi implacável. Apoiada pelo público bateu Cabo Verde, por 33-24, e a Costa do Marfim, por 48-24, pelo que a primeira posição dificilmente lhe escapa, já que na derradeira jornada tem pela frente os Camarões, equipa sem estaleca para beliscar os intentos dos anfitriões. />Na segunda posição do Grupo está Cabo Verde, com dois pontos fruto de vitória sobre os Camarões e derrota com os donos da casa.
Na série D, Marroos e Argélia partilham a primeira posição, ambos com 4 pontos, resultantes de dois triunfos.
Os marroquinos não tiveram contemplações e despacharam a Zâmbia, por contundentes 39-12, e derrotaram o Congo Brazzaville, por 35-25, talvez a pouparem a equipa para o jogo de hoje frente à Argélia, que vai decidir a liderança. Por seu turno, a Argélia bateu o Congo, por 31-25, e cilindrou a Zâmbia, por incríveis 39-9.
Hoje, os líderes da série medem forças no desafio de cartaz da jornada, aguardado com muita expectativa pelos contendores e pelos aficionados que acompanham a competição.

Tempo

Multimédia