Desporto

Criação da Liga Profissional promove clubes e jogadores

O secretário-geral da Associação das Federações Africanas de Basquetebol Amador (FIBA África), o costa marfinense, Alphonse Bilé, disse que a criação da Liga Profissional Africana (BAL) constitui um dia histórico para o continente, cuja implementação relançará a competição e a promoção dos clubes e jogadores africanos.

Fotografia: DR

Em declarações ao site da FIBA Mundo, Alphonse Bilé acrescentou que a Liga Profissional Africana de Basquetebol é um importante passo para o desenvolvimento contínuo da modalidade, que com o comprometimento de todos os actores, bem como a combinação de programas sociais, criarão novas oportunidades para as gerações vindouras, do ponto de vista desportivo, económico e tecnológico.

“Este é um dia histórico para o continente africano. Estamos empolgados para trabalhar de perto com a NBA, para desenvolver e colocar em lugar de destaque a liga profissional como nenhuma que já vimos na nossa região. Por meio da Liga Africana de Basquetebol podemos oferecer aos clubes e jogadores o melhor ambiente possível, para competir ao mais alto nível. Estamos entusiasmados para trabalhar com a NBA, com o objectivo de desenvolver e elevar a nossa liga profissional a um nível que nunca vimos na nossa região”, disse o SG da FIBA África.

 

Tempo

Multimédia