Desporto

Cristiano Ronaldo explica mudança do Real Madrid para a Juventus

Cristiano Ronaldo explicou a troca do Real Madrid pela Juventus numa entrevista dada à televisão oficial do clube italiano. O capitão da selecção portuguesa falou de um “sonho de criança” e confessou-se fã da heptacampeã italiana. 

CR7 já conquistou cinco bolas de ouro
Fotografia: DR

“Este é um clube enorme. Desde pequeno que olhava para a Juventus e dizia: 'Um dia vou jogar aqui'. Agora consegui concretizar esse desejo e jogo numa das melhores equipas do Mundo. Estou contente porque sempre tive o sentimento que os fãs italianos gostam de mim”, começou por explicar. O jogador admitiu que a ovação no jogo dos quartos-de-final da Liga dos Campeões ajudou à decisão. Recorde-se que os adeptos da Juventus irromperam em palmas após Cristiano Ronaldo marcar um pontapé de bicicleta de belo efeito.
“Fiquei muito surpreendido. Por norma já via os jogos da Juventus e seguia o clube, mas depois daquele momento passei a gostar ainda mais deles. Lembro-me desse dia todos os dias, nunca me tinha acontecido. Na Liga dos Campeões, contra a Juventus, nos quartos de final, marcas um golo e toda a gente te aplaude no estádio. Foi inacreditável. Não digo que foi o que mais importou, mas foi um detalhe que ajudou à minha decisão. Quando sentes que as pessoas gostam de ti e que o clube te apoia, tudo é diferente”, assumiu.
A estreia está marcada para o dia 17 de Agosto, no estádio Bentegodi frente ao Chievo Verona (17H00) e são muitos os adeptos que sonham com um golo no jogo inaugural.
“O meu primeiro golo vai acontecer de forma natural, não estou a pensar muito nisso. Acreditem que quando surgir a oportunidade vou estar preparado. Até lá vou trabalhar para ser um melhor profissional e ajudar a Juventus a ser uma equipa ainda melhor”, concluiu.
Recorde-se que Cristiano Ronaldo assinou pela Juventus esta temporada, colocando um ponto final a uma ligação de nove anos com Real Madrid. Aos 33 anos vai estrear-se na liga italiana depois de passagens por Portugal, Inglaterra e Espanha.


Tempo

Multimédia