Desporto

Desportivo da Huíla começa preparação na segunda-feira

António Cristóvão e António de Brito

O Desportivo da Huíla, terceiro classificado do Campeonato Nacional de Futebol da I Divisão, Girabola’2019/20, arranca com os trabalhos de preparação na próxima segunda-feira, na cidade do Lubango, visando a abertura da época, marcada para dia 4 de Agosto, com a disputa da primeira mão da Supertaça.

Militares da Região Sul pretendem repetir desempenho positivo nesta edição do Girabola
Fotografia: Arão Martins |?Edições Novembro

A informação foi avançada, ontem, ao Jornal de Angola, pelo director de Marketing e Institucional dos militares da Região Sul, Adriano Lopes, para anunciar que iniciaram na segunda-feira com os exames médicos nos hospitais Central e Militar da capital da Huíla.

O Desportivo da Huíla, equipa sensação da época transacta, solicitou à Federação Angolana de Futebol (FAF) a sua retirada da preliminar de apuramento para a fase de grupos da Taça Nelson Mandela, por dificuldades financeiras e falta de infra-estruturas.
Para a primeira mão da Supertaça, os militares da Região Sul recebem o 1º de Agosto, às 15h30, no Estádio 11 de Novembro, na cidade do Lubango. A partida de resposta disputa-se no dia 11 de Agosto, às 16h00, no Estádio Nacional 11 de Novembro, em Luanda.
Para esta época, Mário Soares dispensou os atletas Maludi, Beto Chicafa, Jojó, Razack e Ibukun. Questionado se está satisfeito com o plantel para a época que se avizinha, o treinador mostrou-se receoso com o grupo. “Totalmente não. Mas é um grupo que, com mais um avançado e um toque técnico, poderá satisfazer os meus anseios”, comentou.
Em relação ao contrato com a FAF, Mário Soares disse que deixou uma proposta ao elenco do presidente Artur Almeida e Silva para ser analisada, já que não pretende trabalhar em regime integral no Departamento Técnico das Selecções Nacionais.
“Há uma proposta minha por cima da mesa. Não me interessa estar em tempo integral na FAF. Deveria orientar a Selecção Nacional Sub-23. Ficamos de reunir novamente. Vamos esperar, preferia em “part-time”, defende o treinador.
Na primeira jornada do Girabola'2019/20, que inicia no dia 16 de Agosto, o Desportivo da Huíla recebe o FC Bravos do Maquis na cidade do Lubango.
Na edição anterior, depois da igualdade a uma bola no seu reduto, para a primeira jornada, os militares venceram o Bravos do Maquis, por 2-1, na segunda volta, no Estádio Johones Kufune “Mundunduleno”, na capital da província do Moxico.

Caála troca David Dias por Hélder Teixeira

Com o objectivo de conseguir uma classificação digna no Girabola 2019/20, depois do oitavo lugar da época passada, a direcção do Recreativo da Caála optou pela contratação do técnico Hélder Teixeira.
O treinador assinou contrato válido por uma época, com mais um ano de opção, caso consiga satisfazer os propósitos da direcção liderada por Horácio Mosquito, que visam a disputa pelos cinco primeiros lugares na competição.
Em declarações ao Jornal de Angola, o técnico Hélder Teixeira referiu que “gosta de desafios. Não hesitei quando me apresentaram o projecto. É um retorno a casa que bem conheço. Com o empenho de todos, tenho a plena certeza de que faremos um bom campeonato”, garantiu o substituto de David Dias.
O Recreativo da Caála cumpre hoje o sétimo dia de preparação, no Estádio Mártires da Canhala, com o treinador Hélder Teixeira a incidir os treinos na recuperação física dos atletas.”Estamos a privilegiar a preparação física. A partir da próxima semana, vamos centralizar os trabalhos nas vertentes técnica e táctica. Os jogadores estão a reagir bem às cargas”, comentou.
Em relação aos reforços, destacam-se o médio Balacai (ex-Kabuscorp do Palanca), Aison (central) e Lara (lateral esquerdo), provenientes do Progresso Sambizanga.
A direcção do clube está a negociar com um avançado português com créditos firmados, que Hélder Teixeira se recusou a revelar o nome.
Tal como na época passada, a equipa realiza o estágio na cidade de Benguela, onde prevê efectuar vários jogos de controlo. O técnico Hélder Teixeira trabalha com 38 jogadores, para formar um plantel de 35. Na primeira jornada, o Recreativo da Caála defronta o Santa Rita do Uíge.

Tempo

Multimédia