Desporto

Equipa militar é dominadora nas conquistas

Hoje, o Recreativo do Libolo pode ser a terceira equipa de fora de Luanda a conquistar o troféu da Supertaça, para contrariar o domínio avassalador das agremiações de Luanda.

Mas, a intenção pode ser contrariada e a capital do país consolidar ainda mais a sua posição dominante, caso seja o Benfica a vencer a contenda de hoje. 
Os clubes de Luanda dominam as conquistas da Supertaça de futebol. Em vinte e oito edições disputadas, o 1º de Agosto  soma o maior número de troféus  conquistados ( 8), seguido pelo arqui-rival Petro de Luanda e ASA ambos com com seis cada um.
Depois está o Interclube com quatro títulos. De fora da capital apenas o 1º de Maio de Benguela e o Independente do Tômbwa (Namibe) conseguiram fazer o troféu sair da província de Luanda, ao vencerem as edições de 1985 (1º de Maio) - por sinal a primeira -, e a de 1995(Independente do Tômbwa).
Além dos chamados grandes outras equipas também já inscreveram os seus nomes entre os vencedores da competição as equipas do Santos FC (2009) e do Kabuscorp do Palanca (2014).
Feitas as contas, a província de Luanda soma vinte e cinco troféus conquistados, contra apenas dois que foram para as de Benguela e Namibe.

Tempo

Multimédia