Desporto

Equipa recupera condição física para o jogo de sábado

António Cristóvão

Os exercícios com bola, para a recuperação física dos atletas, dominam hoje às 9h00 a sessão de treino do Petro de Luanda, no campo Osval-do Saturnino de Oliveira “Jesus”, visando o jogo com o Stade Malien, no sábado à tarde, no Estádio Nacional 11 de Novembro, referente à segunda mão da última eliminatória de apuramento para a fase final da 16ª edição da Taça Nelson Mandela.

Fotografia: Contreiras Pipa | Edições Novembro

Como tem sido habitual depois de um jogo, Beto Bianchi, treinador dos petrolífe-ros, poupa os jogadores utilizados durante os 90 minutos, de modo a recuperá-los do cansaço.
A primeira parte da preparação vai ser orientada pelo preparador físico, Maurício Marques, com corrida e exercícios de alongamento.
A seguir, o plantel trabalha a circulação e a recepção da bola, bem como o passe.
Na segunda parte do treino, o corpo técnico reparte os atletas em dois grupos, para ensaiar os processos de jogo, com o foco na  finalização e organização defensiva.
Beto Bianchi quer um conjunto eficiente no ataque e bem estruturado na defesa, com vista a evitar dissabores frente aos malianos.
Para garantir a presença na fase de grupos, a formação do Eixo Viário precisa no mínimo de empatar sem golos ou, na melhor das hipóteses, vencer o adversário. />
Antevisão do jogo
Amanhã às 10h30, após o treino, Bianchi faz a antevisão do jogo, em conferência de imprensa.  O médico Nelson Bulivar vai falar do  estado clínico da formação petrolífera.
O Stade Malien é aguardado amanhã em Luanda, ao princípio da tarde, com uma delegação de 35 pessoas, entre atletas, corpo técnico e um representante da Federação Maliana de Futebol (FMF).
Na sexta-feira, à hora do jogo, o adversário dos tricolores cumpre o treino de reconhecimento, para a adaptação à relva do palco do desafio.
No desafio da primeira “mão”, disputado no sábado, o Petro empatou a uma bola, no Estádio Modibo Keita, na cidade de Bamako. O clube petrolífero, um dos mais representativos do desporto angolano, completou na segunda-feira 39 anos de existência.

Tempo

Multimédia