Desporto

Federação suspende árbitro Paulo Talaia

O árbitro Paulo Talaia está suspenso por 85 dias, segundo decisão da Federação Angolana de Futebol (FAF), por validar um golo inexistente na 22ª jornada do Campeonato Nacional de Futebol, Girabola'2018, numa partida que opôs o Sporting de Cabinda ao Petro de Luanda, no passado dia  7 de Julho

Validação do golo do Sporting de Cabinda diante do Petro de Luanda esteve na base da decisão
Fotografia: Santos Pedro | Edições Novembro

O juiz assinalou golo favorável à equipa anfitriã num lance duvidoso, cuja bola terá embatido na trave. O jogo terminou empatado a um golo. Segundo um comunicado a que Angop teve acesso ontem, o castigo conta a partir da data do jogo.
Por outro lado, foram também sancionados por igual período o árbitro Rodrigues Aleixo e o assistente Joaquim Chio, enquanto os auxiliares Francisco Paulo e Nicodemos Calembele ficam privados de exercer a actividade durante 60 dias, lê-se no documento.
Em causa está o desafio da 24ª ronda do Girabola'2018, disputado a 18 de Julho, entre o Recreativo do Libolo e o Petro de Luanda. A FAF considera ter havido má interpretação da lei, por parte da equipa de juízes. Todos os profissionais sancionados constam do quadro nacional da arbitragem.

Tempo

Multimédia