Desporto

ASA conquista taça e faz a dobradinha

António de Brito

A equipa do ASA, depois de ter regressado ao Girabola, fez ontem a dobradinha, ao sagrar-se campeã nacional da II Divisão, após vitória sobre o Bikuku FC da Lunda-Sul, por 2-1, partida disputada no Estádio Municipal dos Coqueiros.

Equipa do aeroporto fez a festa nos Coqueiros
Fotografia: Miqueias Machangongo | Edições Novembro

Com maior posse de bola e discernimento táctico, a formação aviadora foi "dona e senhora" do jogo, mas os seus jogadores mostraram-se bastante perdulários. Diogo e Fungo desperdiçaram ocasiões claras de golo. Concretizadas, o ASA estaria a vencer por uma boa margem de golos.
Quando menos se esperava, o Bikuku FC adiantou-se no marcador, por intermédio de Ibra, aos 15 minutos. A defesa do ASA parou à espera de um fora-de-jogo, que nunca existiu. O jogador da formação da Lunda-Sul estava em jogo no momento em que recebeu o passe do colega de equipa.
Depois do tento sofrido, o ASA não esmoreceu e manteve o domínio e controlo, com o intuito de virar a desvantagem no marcador. O Bikuku teve de baixar as suas linhas, para evitar males maiores.
No reatamento da partida, a equipa de José Dinis entrou decidida em mudar o rumo dos acontecimentos. Com jogadas ensaiadas de trás para a frente, o ASA surgia sempre com perigo junto da baliza adversária, com os avançados a revelarem ineficácia no ataque. Não tardou, o ASA repôs a igualdade, por intermédio de Vitoriano, decorridos 53 minutos. Na transformação de uma grande penalidade, Kibeixa deu o título ao ASA, aos 77 minutos. O trio de arbitragem chefiado por João Goma esteve globalmente bem.

Tempo

Multimédia