Desporto

Equipa Nacional ensaia esquemas técnico-tácticos para o Mundial

António Cristóvão

As saídas rápidas da defesa para as acções ofensivas marcaram, ontem no período da manhã, no Estádio Municipal dos Coqueiros, na Baixa de Luanda, a sessão de treino da Selecção Nacional de futebol para amputados, no quadro da preparação para a disputa do Campeonato do Mundo, de 24 de Outubro a 5 de Novembro, na cidade de Guadalajara, México.

Fotografia: Edições Novembro

Durante a preparação dos esquemas de jogo, o técnico Augusto Baptista “Cheto” dividiu os atletas em dois grupos. De um lado alinhou os atletas de coletes cor de laranja e do outro colocou os verde, para exercitar os detalhes de jogo, a organização defensiva e ajustar a eficácia do ataque. Além dos pormenores exclusivos de jogo, a equipa técnica do combinado nacional está a observar o estado da condição física dos jogadores.

O grupo volta a treinar hoje, às 7h30, no Estádio Nacional da Cidadela, com realce para a recuperação da condição física. Para os trabalhos desta manhã, “Cheto” Baptista  conta já com a integração dos 22 jogadores, que terminaram ontem os exames médicos no Centro Nacional de Medicina do Desporto, na Cidadela.
Os atletas Laurindo Lu-camba, José Victorino, Pedro Victor, Sandro do Rosário, Heno Guilherme, António Eduardo, Catarino Carva-lho, José Candeeiro, João Chiquinte e Sabino António foram os últimos a realizar os exames.
No período de 12 a 25 de Agosto, o grupo segue para a cidade de Joanesburgo, onde vai cumprir um estágio e realizar todo o processo migratório para a obtenção do visto.
Para o palco do mundial, a formação nacional segue no próximo dia 21 de Outubro, com uma delegação oficial de 22 integrantes.
Na edição passada, onde Angola foi vice-campeão mundial no México, participaram também a selecção anfitriã, e as do Quénia, Uzbequistão, Brasil, Irlanda, Ucrânia, Polónia, Geórgia, Itália, Rússia, Haiti, Alemanha, Argentina, França, Colômbia, El Salvador, Turquia, USA, Japão, Irão e Inglaterra.

Tempo

Multimédia