Desporto

Job realça entrega durante os treinos

António de Brito |

Job, avançado do Petro de Luanda, valoriza o trabalho que está a ser feito pela nova equipa técnica nacional, liderada pelo sérvio SrdjanVasiljevic, sublinhando que não difere muito do anterior seleccionador, o hispano-brasileiro Roberto Bianchi.

Avançado do Petro de Luanda está confiante
Fotografia: José Soares | Edições Novembro

“A minha avaliação tem sido boa. Estamos a trabalhar os aspectos físicos e a vertente técnica. O grupo está a treinar bem. Estamos a gostar dos métodos de trabalho, porque é semelhante ao do professor Roberto Bianchi”, enalteceu o experiente jogador.
Apesar de integrar tarde os trabalhos da Selecção Nacional, Job falou da concorrência, depois do alargamento da convocatória: “É salutar. Alguns são mais experientes e outros menos. A integração de Wilson e Natael torna o grupo mais fortalecido e faz a diferença. Reconheço capacidade quer num quer noutro atleta".
O mais internacional entre os convocados está confiante numa excelente campanha dos Palancas Negras no CHAN de Marrocos. "Estamos a trabalhar com a missão de dignificar o país na competição. Temos consciência das dificuldades a encontrar, mas iremos fazer de tudo para passarmos de fase", prometeu.
O irreverente Vá, do Progresso Sambizanga, diz que estar encantado com a dinâmica de Vasiljevic. “Os trabalhos estão a decorrer da melhor forma. O corpo técnico puxa por nós.”

Tempo

Multimédia