Desporto

Jogador do City lamenta choque com Ederson

Quase duas semanas depois, o lance entre Sadio Mané e Ederson Moraes, jogador do Manchester City, ainda mexe.

Fotografia: Oli Scarff | AFP

O avançado do Liverpool, num lance involuntário, pontapeou a face do antigo guardião do Benfica, o que deixou marcas bem visíveis no rosto do brasileiro.
Agora, e já depois de se ter desculpado no Instagram, Mané revelou que gostava de ter o número do guardião para resolver a situação pessoalmente e frisou que foi um lance acidental.
“Nós não nos conhecemos pessoalmente, mas adoraria ter o número de telefone dele para poder ligar ou mandar-lhe uma mensagem”, começou por dizer o avançado dos “reds” em entrevista ao “ESPN”.
“Eu nunca faria nada deste género de maneira intencional. É um lance que faz parte do futebol, não poderia ter feito nada, ficou claro que nós íamos chocar. Mas achava que ia levar apenas um cartão amarelo”, acrescentou.
Na sequência do lance, Mané foi suspenso por três jogos, algo que tem sido difícil de gerir: “Não está a ser fácil para mim.”

Tempo

Multimédia