Desporto

Liverpool bate Chelsea e fica com a Supertaça

O Liverpool conquistou, ontem, a quarta Supertaça Europeia da sua história, ao bater o Chelsea no desempate por grandes penalidades, após a igualdade a dois golos – marcaram Giroud, Jorginho e Sadio Mané (bis) – registada no final do prolongamento.

Fotografia: DR

Catorze anos depois da ‘louca’ final da Liga dos Campeões conquistada diante do AC Milan, os reds voltaram a ser felizes em Istambul… e mais uma vez no desempate da marca dos 11 metros, apesar da boa réplica dos blues.
O Chelsea entrou em cam-po apostado em apagar a fraca imagem deixada na abertura da Premier League, na derrota com o Manchester United por 0-4 e marcou primeiro. Depois, foi o Liverpool a consumar a reviravolta, por intermédio de Sadio Mané, mais uma vez o passe de Roberto Firmino. Pouco depois, foi o Chelsea, na co-brança de uma grande penalidade, a fazer o 2-2.
Sem mais alterações até ao final dos 120 minutos, o encontro teve de ser resolvido no desempate por grandes penalidades. Adrián defendeu a derradeira grande penalidade, cobrada por Tammy Abraham, e conquistou a Supertaça Europeia.

Tempo

Multimédia