Desporto

Petro de Luanda abre hoje "oficinas"

António Cristóvão |

A equipa principal do Petro de Luanda começa hoje, no campo do Catetão, a preparação para a abertura da próxima época futebolística no país, que começa a 4 de Fevereiro com a disputa da Supertaça, no Estádio Nacional 11 de Novembro, no município de Belas, na capital.

Tricolores “arrregaçam mangas” para atacar a temporada
Fotografia: José Cola | Edições Novembro

Além da Supertaça, os tricolores do Eixo Viário jogam no dia 10 de Fevereiro, às 16h00, no Estádio Nacional 11 de Novembro, diante do Master Security FC do Malawi, desafio referente à primeira-mão da preliminar da 15.ª edição da Taça Nelson Mandela.
O jogo da segunda-mão disputa-se entre 16 e 18 de Fevereiro, na capital do Malawi. O vencedor desta preliminar joga com o Supersport United da África do Sul, para os dezasseis-avos-de-final.
Nesta sessão de treino, Roberto Bianchi não vai contar com o guarda-redes Gérson, que se encontra em Portugal, os defesas Wilson Pinto e Mira, e os médios Herenilson, Manguxi e Job. Os cinco últimos estão na Selecção Nacional de Honras, que vai disputar a fase final da quinta edição do Campeonato Africano das Nações (CHAN), a decorrer de 13 de Janeiro a 4 de Fevereiro, em Marrocos.
Há duas semanas, os atletas começaram a fazer os exames médicos no Centro Nacional de Medicina dos Desportos, no distrito urbano do Rangel, e terminaram-nos na Clínica Girassol.
No dia 7 de Janeiro, os petrolíferos deslocam-se para Benguela, onde vão  estagiar até dia 22 do mesmo mês, antes do jogo da Supertaça diante do 1.º de Agosto.
Esta época, Roberto Bianchi vai contar com os préstimos de Bugos, Trésor, ex-Sagrada Esperança, e Gomito Fonseca (ex-Recreativo do Libolo). Roberto Bianchi, técnico tricolor, e Tiago Azulão, melhor avançado do Girabola Zap, desembarcam amanhã em Luanda, provenientes da Europa.

Tempo

Multimédia