Desporto

Real Madrid e Liverpool decidem hoje troféu

Real Madrid (12 troféus)  e Liverpool (cinco) decidem hoje, às 19h45, no Estádio Olímpico de Kiev, na Ucrânia, o título da edição 2018 da Liga dos Clubes Campeões da Europa, no desafio menos perspectivado pelos amantes do futebol espalhados pelo mundo, no inicio da prova sob a égide da UEFA.

 

Cristiano Ronaldo pode tornar-se no primeiro jogador a ganhar por cinco vezes a prova
Fotografia: DR

Quer a formação madrilena quer o seu opositor assinaram uma temporada doméstica para esquecer, vendo sorrir para os outros emblemas os títulos em disputa. Assim, a vitória na Liga dos Campeões não apenas salvaria a época, como constituiria um feito muito marcante. Sobretudo para o Liverpool, que  há muitos anos não levanta o troféu.       
Liderado pelo craque Cristiano Ronaldo, o clube merengue busca o seu terceiro título consecutivo do torneio, o 13º na história da equipa, enquanto os Reds têm como principal destaque e esperança Mohamed Salah, para chegar à sua sexta conquista na competição.
Bale ou Benzema. Esta continua a ser a única dúvida de Zinedine Zidane para o onze do Real Madrid que vai iniciar a final da Liga dos Campeões. Em vésperas do desafio, o treinador francês não terá ainda decidido qual dos dois jogadores fará parte da equipa titular. Em relação às restantes posições, parece não haver dúvidas.
Eis o onze provável do Real: Keylor Navas (guarda-redes); Carvajal, Varane, Ramos e Marcelo (defesas); Casemiro, Kroos, Modrić e Isco (médios); Ronaldo e Benzema (avançados). Os madridistas não têm nenhum atleta em dúvida para o desafio.Pelo contrário, o técnico do Liverpool, Jürgen Klopp, vê se privado de alguns jogadores preponderantes. O alemão pode fazer alinhar os seguintes jogadores: Karius (guarda-redes); Alexander-Arnold, Van Dijk, Lovren e Robertson (defesas); Henderson, Milner e Wijnaldum (médios); Mané, Firmino e Salah (avançados).
De fora, fica Oxlade-Chamberlain, por lesão nos ligamentos do joelho. Gomez e Matip também falham o jogo de decisão do título europeu, por estarem a contas com contusões, no tornozelo e na coxa. Emre Can não joga desde Março, devido a uma lesão nas costas, mas participou a tempo inteiro no treino de segunda-feira, em Anfield.
James Milner, por seu lado, também deve alinhar de início, após debelar uma distensão muscular, enquanto Trent Alexander-Arnold, de 19 anos, pode tornar-se no mais jovem jogador a ser titular pelo "reds" numa final da Taça dos Clubes Campeões Europeus.

O que dizem os treinadores
Para Zinedine Zidane, do Real Madrid é, provavelmente, a final mais difícil que alguma vez jogou. “Teremos que estar no nosso melhor - sabemos disso - a todos os níveis, não apenas fisicamente. Os nossos adversários são uma equipa inglesa, nunca desistem, mas não valem apenas pelos seus atributos físicos. O Liverpool é também bom tecnicamente, com muita velocidade e grandes jogadores do ponto de vista individual.
Já Jürgen Klopp, treinador do Liverpool, acredita que há muitas razões pelas quais a equipa joga a final. “Estou imensamente orgulhoso do que os jogadores conseguiram. Não somos uma equipa qualquer. Somos o Liverpool. No caminho para sermos uma equipa muito boa e capaz de jogar num patamar tão alto é muito bom. Tem sido uma caminhada louca, mas, no final, merecemos o nosso lugar aqui”.

Curiosidades
Ronaldo pode tornar-se no primeiro jogador a vencer a prova na era da UEFA Champions League por cinco vezes.
Klopp perdeu as cinco últimas grandes finais como treinador.
Sergio Ramos ajudou a Espanha a vencer o UEFA EURO 2012 no estádio de Kiev.
O relvado do estádio que vai receber os candidatos a erguer a “Orelhuda”, como é chamada a Taça, foi inaugurado em 1923 e reformado em 2011 para o Euro 2012.
É também conhecido como NSC Olimpiyskiy Stadium (Complexo Desportivo Nacional Olímpico, na tradução em português) e pode receber até 70,050 espectadores.
O estádio recebeu outras partidas importantes. Em 1980, os jogos de futebol das Olimpíadas ocorreram por lá. Ao todo, foram oito partidas.
Em 1998, o Dínamo jogou contra o Real Madrid, nos quartos-de-final, e enfrentou o Bayern de Munique, para os quartas de final e meias-finais, respectivamente.
Em 2012, foi uma das sedes do Euro usada pelas equipas do grupo D, além de uma partida dos quartos-de-final e a grande decisão, na qual a Espanha venceu a Itália por 4 bolas sem resposta.

Confronto entre Ronaldo e Salah
À procura de vencer pela quinta vez a UEFA Champions League, Cristiano Ronaldo chega à final com nove golos nos últimos dez jogos pelo seu clube e selecção; Mohamed Salah é estreante na final, mas ruma a Kiev com oito tentos nos seus derradeiros dez desafios.
Ronaldo marcou 50 golos pelo clube e pela selecção em 2017/18, mais dois do que Salah; Ronaldo disputou 49 jogos pelo Real Madrid e por Portugal, tendo marcado em 31 deles, enquanto Salah realizou 55 encontros pelo Liverpool e pelo Egipto, e festejo tentos em 37 deles.
Os 32 golos marcados por Salah são novo recorde desde que a Premier League conta com 38 jogos, registo extraordinário para um jogador que só chegou ao clube no Verão passado.
Hoje Salah tem 25 anos e 345 dias de idade. Com a mesma idade (a 16 de Janeiro de 2011), Ronaldo tinha já marcado 23 golos na Champions League, mais seis do que Salah, mas também tinha disputado 68 jogos da CL, mais 31 do que o egípcio.

 

Tempo

Multimédia