Desporto

Futebol de formação abordado em mestrado

António de Brito

Os dirigentes da Academia de Futebol de Angola (AFA) ministraram, recentemente, uma aula de Mestrado em Gestão de Futebol, na Universidade do Real Madrid, em Espanha, tornando-se na primeira instituição do continente a partilhar conhecimentos em matéria de formação.

Com a duração de dez horas intercaladas, em aulas teóricas e práticas, o director-geral da AFA, José Luís Garrido, detalhou na sua dissertação os passos dados para a criação da academia, os feitos alcançados até ao momento e a estrutura de apoio social, que ajuda a combater as dificuldades que muitos jogadores enfrentam.
O convite para participar no referido Mestrado resulta da conquista pela AFA do torneio internacional de Carballo, disputado na Galiza. António Cortês, director técnico da AFA, explicou aos estudantes, na Aula Magna, os caminhos a percorrer para montar uma academia de excelência em África, tendo em conta os constrangimentos financeiros.
O director do curso, David Viejo, felicitou a AFA pelo excelente trabalho que tem  desenvolvido em Angola, sobretudo no futebol de formação.
"Aproveito a ocasião para elogiar a vossa instituição. Ficámos a saber da realidade angolana no que ao futebol de formação diz respeito. Os alunos perceberam a diferença do trabalho que se faz na Europa e em África. Gostámos muito das explicações. Esperamos estar juntos novamente em 2018", escreveu na página da AFA na internet.
A parceria entre a AFA e o Real Madrid chega também aos terrenos de jogo. Foi proposto a realização de partidas amistosas entre os jovens de ambos os clubes. Está em estudo uma estratégia conjunta de colaboração futura.
Contactado pelo Jornal de Angola, José Luís Garrido destacou a honra pelo convite: "Foi uma aventura muito boa. Ser convidado para um dos melhores mestrados de futebol só acontece porque estamos a trabalhar bem em Luanda. O convite é reflexo do reconhecimento internacional da AFA. Mostrámos que em África também se trabalha na formação com níveis de excelência. Foi uma  grande exibição da Academia de Futebol de Angola, desta vez na universidade, mas o resultado é o de sempre: elevar  a bandeira nacional fora de portas".
A AFA destaca-se no capítulo da formação, pelas excelentes condições colocadas às diposição de atletas e técnicos.

Tempo

Multimédia