Desporto

Huambo destrona Benguela do título

António Cristóvão

O Misto do Huambo sagrou-se campeão nacional de futebol para amputados, ao golear no sábado o FC da Funda, por 5-0, no campo do Novo Campismo, na cidade de Benguela, em jogo da sétima e última jornada da XII edição do campeonato.

Campeonato foi marcado por resultados muito desnivelados
Fotografia: Vigas da Purificação | Edições Novembro

Chikete, avançado da equipa do Planalto Central, “bisou” no desafio, enquanto Laurindo Lukamba, Wilson e Elias apontaram os restantes golos.
Com este resultado, a formação da FC Funda ocupou a sétima e última posição da competição, sem pontuar, mas recebeu o troféu de equipa "Fair Play" da prova.
Para a mesma jornada, o 3 de Dezembro (equipa mais titulada do Campeonato Nacional) derrotou o Misto de Malanje, por 5-1, com “hat trick” do avançado  Sabino António. Moisés Cazar e José Victorino apontaram os restantes tentos. Pedro Victor, do Misto de Benguela, foi o melhor marcador do nacional, com 16 golos apontados, ao passo que Sebastião Camjuluca (Misto do Huambo) recebeu o troféu de guarda-redes menos batido, com dois tentos consentidos.
Além de melhor marcador, o futebolista do Misto de Benguela foi considerado também como melhor jogador do certame. 
A equipa anfitriã foi encarada como a decepção, pela organização do Campeonato Nacional, por ter falhado a defesa do segundo lugar conquistado na  edição anterior, enquanto o Misto de Malanje foi a sensação da prova, pelo terceiro lugar arrebatado, atrás do 1 de Junho, no segundo lugar com 13 pontos. O Campeonato Nacional, que começou no dia 9 deste mês e encerrou no sábado, foi disputado no sistema de todos contra todos a uma volta.

Tempo

Multimédia