Desporto

Jean Jacques dá a receita para a vitória

Principal figura do basquetebol angolano, o antigo poste da Selecção Nacional, Jean Jacques da Conceição, defende a transição rápida para o ataque como um dos argumentos de peso para o “cinco” angolano vergar o Senegal.

Fotografia: Jaimagens | Edições Novembro

Jacques, um dos poucos ex-praticantes presentes no certame, a par de Carlos Almeida, Nelson Sardinha e Benjamin Romano, estes dois últimos na condição de dirigentes federativos, é apologista ainda de que “devemos primar também pelo jogo interior de forma a condicioná-los, pois eles tecnicamente estão muitos furos abaixo de nós”.
“O fundamental é estarmos concentrados e começarmos bem para acreditarmos nas nossas capacidades, disse Jean Jacques da Conceição, para acrescentar: "Não podemos entrar apáticos, e deixar que eles nos surpreendam”.

Tempo

Multimédia