Desporto

Jó Paciência reforça ataque do Sagrada

O avançado Jó Paciência (ex-Sporting de Cabinda), uma das revelações do Girabola Zap 2019/2020, é um dos cinco reforços confirmados no Sa-grada Esperança, para a próxima época futebolística.

Fotografia: António Soares| Edições Novembro

A garantia foi dada terça-feira, no Dundo, pelo presidente de direcção dos lundas, José Muacabalo Tomás, que anunciou, igualmente, o regresso do mé-dio costa-marfinense Savané, depois de um ano ao serviço do Wiliete de Benguela.
Para além de Jó Paciência e Savané, José Muacabalo confirmou também a contratação de Regino (ex-Sporting de Cabinda), Sozito (ex-Académica do Lobito) e Celso (ex-Progresso Sambizanga).

José Muacabalo, que falava em entrevista ao Jornal de Angola e Angop, assegurou que a direcção do Sagrada Esperança está igualmente no mercado externo a negociar a contratação de um avançado brasileiro e um lateral-es-querdo luso-angolano.
“Estamos a aguardar a vinda de um ponta-de-lança de nacionalidade brasileira e um lateral-esquerdo luso angolano. Procuramos manter o esqueleto do plantel da época desportiva interrompida. Por isso é que a próxima época, está a ser preparada com muito cuidado e sempre alinhada com a equipa técnica liderada por Roque Sapiri, para que possamos ter um plantel às exigências do Girabola Zap e Taça da Confederação”, afirmou.

A temporada 2020/2021 no clube diamantífero, segundo José Muacabalo, está a ser preparada minuciosamente, pois, ao contrário da última época, a equipa vai atacar três frentes, designadamente o Girabola Zap, Taça de Angola e Taça da Confederação, e que o técnico Roque Sapiri está por dentro de toda a organização administrativa.
O Sagrada Esperança abdicou dos préstimos de oito jogadores, nomeadamente Guedes, Jiresse, Francis, Higino, História, Almeida, Cabibi e Titi.
Armando Sapalo|Dundo

Tempo

Multimédia