Desporto

Judocas realizam combates de exibição

António Cristóvão

Um treino colectivo de judo, denominado “Master”, para praticantes maiores de 30 anos, em ambos os sexos, realiza-se amanhã, às 9h00, no Pavilhão Anexo I da Cidadela, em Luanda, com a presença do mestre brasileiro Nicodemos Filgueiras Júnior “Nico Jr” (5.º DAN), da Academia Nico Judo Ponta Porá do Mato Grosso do Sul.

Fotografia: José Soares| Edições Novembro


A exibição de combates (Shiai) do “Master” vai ser realizada em simultâneo com os judocas brasileiros, prevendo-se também a apresentação de katas (movimentos do corpo que ensinam os fundamentos de ataque e defesa) e randori (prática de movimentos livres).
A informação foi avançada, ontem ao Jornal de Angola, pelo presidente da Associação Provincial de Judo de Luanda, Edilson Júlio “Mestre Cheno”, para anunciar que foram também convidados veteranos de outras cidades do país. Trata-se de antigos praticantes das províncias do Bengo, Cuan­za-Norte, Huambo, Huíla, Malanje; Namibe e Uíge, que são aguardados hoje à tarde na capital.
Além dos antigos praticantes de Luanda, onde se destacam  Paulo Nzinga “Apo­lo”, presidente da Federação Angolana de Judo (FAJ), Ro­drigues de Castro “Manrró” (ex- presidente da FAJ),Francisco Sampaio “Chico” (Presidente da Comissão Nacional de Graduação), José de Matos “General Matos”, Yuri Paím (seleccionador nacional e vice-campeão mundial de master).
Para a exibição de combates (Shiai), no Anexo da Cidadela, foram convidados também Carlos Correia “Guda”, João Geraldo, Matos Cardoso, Bôngua Pires, Antónia de Fátima “Faya”, Jacinto Domingos, Yuri Villarigues, Ângelo António, Pedro Hebo, Matias Lourenço, Francisco Cristóvão, Edivaldo Barros, Pedro Nzinga “Lapé”, Rafael de Carvalho, André Sampaio e Caetano Domingos.
Nico Jr, que se encontra há uma semana no país para orientar um curso para treinadores e monitores, regressou hoje de Malanje.
  

Tempo

Multimédia