Desporto

Nacional absoluto apura os finalistas nos Mangais

Armindo Pereira

Os 36 finalistas da edição inaugural do Campeonato Nacional Absoluto de Golfe -Atlântico'2019, em ambos os sexos, serão conhecidos amanhã a tarde, no Campo do Resort Mangais, ao cabo de duas voltas do evento que reúne 72 atletas, organizado pela Federação Angolana da modalidade (FAGOLFE).

Campo da Barra do Kwanza é palco da estreia da competição
Fotografia: Edições Novembro

Repartidos em três categorias, os golfistas que conseguirem obter o menor número de pancadas disputam terça-feira, a partir das 7h00, a ronda final que define o primeiro campeão nacional individual, no pós Independência.

A julgar pelo handicap, António Marçal, Carlos Pereira, António Luife, Sebastião Adão, José Crispin, Victor Marçal, Francisco Domingos, Manuel Barros, só para citar estes, surgem como os principais favoritos a garantir o passe para a fase seguinte, ao passo que Ana Ramos e Fátima Zampetti são as mais sérias candidatas da classe feminina.

A prova vai apurar os representantes do "All Africa", torneio de singulares a decorrer em Outubro, nas Ilhas Maurícias. De acordo com o presidente de direcção do órgão reitor, Almir Soares, a participação dos golfistas angolanos na prova africana está pendente, pelo facto de as inscrições terem encerrado na última semana de Agosto.

O órgão reitor aguarda pelo aval da organização para inscrever os representantes angolanos, no evento que reúne os melhores golfistas do continente.

O campeonato nacional vai ser ajuizado por um árbitro internacional. Além de dirigir o torneio, o juiz vai dar formação aos quadros do órgão reitor, em especial aos caddies (carregadores de tacos), que são uma parte importante do jogo.

Almir Soares sublinhou que os caddies podem também dar informações úteis aos jogadores sobre o campo, como executar certo tipo de pancada, taco a utilizar, etc.

Ao nível do golfe profissional exercem uma função de grande responsabilidade, e estão intimamente ligados aos êxitos dos golfistas.

A formação vai continuar a ser um dos desafios do actual elenco. Uma aposta que Almir Soares espera manter até ao final do mandato. Após a disputa do nacional, a FAGOLFE agendou para os próximos dias um seminário sobre a modalidade, destinado a jornalistas.

 

 

 

 

Tempo

Multimédia