Desporto

NBA: Celtics batem Heat e continuam 'vivos' na corrida à final

Uma entrada em ‘grande’ na segunda parte permitiu, na sexta-feira, aos Boston Celtics vencerem os Miami Heat por 121-108 e continuarem ‘vivos’ na corrida à final dos ‘play-offs’ da Liga norte-americana de basquetebol (NBA).

Fotografia: DR

Sem margem de erro, face à desvantagem de 1-3 na eliminatória, o ‘cinco’ de Brad Stevens entrou muito mal no encontro e esteve sempre a perder na primeira metade, por um máximo de 12 pontos (5-17 no primeiro período e 28-40 no segundo). Os Celtics atingiram o intervalo a perder por sete pontos (51-58), mas, determinados e muito mais assertivos, abriram o terceiro quarto com um parcial de 13-2, assumiram o comando (64-60) e jamais o perderam até ao final do encontro.

Os 41-25 do terceiro quarto - os Heat não sofriam tantos pontos num período de um jogo dos ‘play-offs’ desde a final de 2014 - foram determinantes no sucesso do conjunto de Boston, que hoje tem de salvar novo ‘match point’ para forçar o sétimo jogo. Jayson Tatum, com 31 pontos, 10 ressaltos e seis assistências, e Jaylen Brown, com 28 pontos e oito ressaltos, lideraram os Celtics, que procuram a 22ª final e primeira desde o desaire, por 4-3, com os Los Angeles Lakers em 2010.

Nos vencedores, também esteve em bom plano o poste alemão Daniel Theis, com 15 pontos e 13 ressaltos, enquanto Kemba Walker contribuiu com 15 e sete assistências, e Marcus Smart com 12 , oito ressaltos e igual número de assistências. Do banco, destaque para os dez pontos de Gordon Hayward e os oito, em apenas 10.09 minutos, do turco Enes Kanter.

Na formação de Miami, os melhores foram o base esloveno Goran Dragic, com 23 pontos, e Duncan Robinson, com 20, 17 dos quais na primeira parte.
Por seu lado, Jimmy Butler somou 17 pontos e Bam Adebayo 13, ambos acrescentando oito ressaltos e outras tantas assistências, enquanto Tyler Herro, o ‘herói’ do quarto jogo, com um recorde de carreira de 37, ficou-se pelos 14.

Tempo

Multimédia