Desporto

Demarte Pena conserva título mundial da EFC

O angolano Demarte Pena conservou o seu título de campeão mundial da categoria de peso galo, de Extreme Fighting Championship-Worldwide (EFC), após vencer na noite de sábado, em Pretória, o sul-africano Irschaad Sayed.

Fotografia: Edições Novembro |

A vitória do angolano ocorreu por KO técnico, no quarto assalto do combate de cinco rounds, realizado na Menlyn Maine Central Square.
Demarte Pena "The Wolf" (O Lobo), 28 anos, nascido a 23 de Setembro de 1989, além de conservar o cinturão, melhorou o seu recorde, agora com 13 vitórias e nenhuma derrota.
Esta é a segunda vez que defende o título. Em 2015 manteve o estatuto de melhor do peso galo da EFC, depois de derrotar outro sul-africano, Cedric Doyle.
Pena, que conserva o título mundial há quatro anos, trabalha arduamente para materializar o sonho de combater em Luanda, no Pavilhão Gimnodesportivo da Cidadela, e ser aplaudido pelos seus compatriotas.
O Ministério da Juventude e Desporto continua a estudar formas de materializar o sonho do lutador. Os contactos começaram ainda no consulado de Gonçalves Muandumba, na expectativa de efectivação em Novembro de 2015, no quadro dos festejos dos 40 anos da Independência Nacional, mas a conjuntura económica e financeira inviabilizou  a disputa do combate.
A viver na África do Sul há mais de 15 anos, Demarte Pena, filho do falecido Arlindo Chenda Pena “Ben Ben”, antigo Chefe do Estado-Maior-adjunto das Forças Armadas Angolanas (FAA), e neto de Jonas Savimbi, tem como marca o espírito guerreiro e capacidade de resistência às adversidades, qualidades características do homem angolano, como faz questão de se vangloriar dentro do quadrilátero.

Tempo

Multimédia