Desporto

Dia do Herói Nacional leva ciclistas à estrada

Teresa Luís |

A Associação Provincial de Ciclismo de Luanda (APCIL) faz disputar nos próximos dias, na Centralidade do Kilamba e na Nova Marginal, o torneio “17 de Setembro”, em duas etapas, com a participação de 84 atletas.

Ciclistas petrolíferos falham participação na prova da Etiópia
Fotografia: Edmundo Eucílio | Edições Novembro

Inserida no calendário de competições da APCIL, a prova visa saudar mais um aniversário natalício do primeiro Presidente de Angola, António Agostinho Neto.
Na primeira fase, os ciclistas disputam 100 quilómetros, partindo da Avenida Pedalé, no bloco E.
Bai/Sicasal/Petro de Luanda, Santos FC, Kambas do Pedal (KPL), Escola Macovi, Kambas da Bicicleta (KB), Team Rádio Vial, Gicate Scot Team, Amadores Ciclo Turismo (ACT), Escola Amigos do Futuro, Centro Ciclismo Cidade do Kilamba (CCCK) e Amigos do Talatona são equipas com presença confirmada.

Tour da Etiópia

Questões de ordem administrativa impediram a viagem da equipa do Petro, que pretendia disputar o Tour da Etiópia, no quadro da preparação para a prova da Costa do Marfim.
Carlos Araújo, técnico dos tricolores, disse que a equipa não recebeu os bilhetes de passagem, conforme acordo inicialmente estabelecido.
“Era obrigação dos organizadores enviarem os  bilhetes. Ainda ontem tentámos a todo custo reverter a situação, mas sem sucesso. Há outras equipas na mesma situação. Vamos continuar a trabalhar aqui para o Tour da Costa do Marfim”, esclareceu o técnico.
À semelhança de Angola, as equipas marroquinas e tunisinas também falharam o Tour da Etiópia, pela mesma causa. Dário António (chefe de fila), Mário de Carvalho (co-líder), Bruno Araújo (gregário de luxo), Adilson Zacarias e Gabriel Cole (gregários) foram os ciclistas escolhidos para a competição. De acordo com Carlos Araújo os atletas estão preparados para disputar o referido tour.                    

Tempo

Multimédia