Desporto

Grande Prémio rende tributo ao Herói Nacional

Teresa Luís

A Associação Provincial de Ciclismo de Luanda (APCIL) faz disputar, no sábado e domingo, a partir das 9h00, o Grande Prémio"17 de Setembro", em duas etapas, com a participação de 84 atletas. Inserida no calendário de competições da APCIL, a prova visa saudar o 95.º aniversário do primeiro Presidente de Angola, António Agostinho Neto, a assinalar-se domingo.

Pedaladas vão começar na Centralidade do Kilamba
Fotografia: Mota Ambrósio | Edições Novembro

Na primeira fase, os ciclistas vão pedalar cem quilómetros na Centralidade do Kilamba. Os atletas partem na avenida Comandante Pedalé defronte ao Bloco E até ao KK 5000.
No domingo, o Grande Prémio reserva a disputa de um circuito fechado, numa distância de 40 quilómetros, na Nova Marginal, totalizando 14 voltas. A concentração é às 8h00 nas imediações do hotel Baía.
A reunião técnica está agendada para amanhã na sede da associação. Escola de Ciclismo Esperança do Futuro, Escola Macovi, Núcleo do Talatona, Centro de Ciclismo da Cidade do Kilamba (CCCK),  Amigos do Ciclo-Turismo (ACT), Gicate, Rádio Vial, Santos FC e Bai-Sicasal-Petro de Luanda são as equipas com presenças confirmadas. />Os atletas individuais interessados em participar  podem inscrever-se até hoje. Com a realização da prova, a APCIL pretende dotar os ciclistas da capital de maior rodagem competitiva. José Guedes, secretário-geral da associação, disse estarem criadas as condições para a disputa do Grande Prémio "17 de Setembro".
"Contamos com o apoio das Forças da Ordem. O percurso encontra-se apto para a competição. Em função do número de atletas inscritos, acredito que vai ser um bom teste e os ciclistas vão poder melhorar as suas marcas individuais", realçou.
Ainda sobre ciclismo, a equipa Bai/Sicasal/ Petro de Luanda disputa o “Tour” da Costa do Marfim, onde ambiciona discutir um dos lugares no pódio.

Tempo

Multimédia