Desporto

Militares confirmam disputa da competição

Teresa Luís |

A formação sénior feminina de andebol do 1º de Agosto começa a projectar, no princípio de Outubro, a disputa da 39ª edição da Taça dos Clubes Campeões que decorrerá de 21 a 30 do mesmo mês na cidade tunisina de Hammamet.

1º de Agosto persegue a conquista do quarto título consecutivo da prova africana, na Tunísia
Fotografia: Paulo Mulaza | Edições Novembro

As militares, orientadas por Morten Soubak, perseguem o quarto título consecutivo. Oficialmente, a Confederação Africana (CAHB) deu por encerradas as inscrições. O director executivo da Federação Angolana, António Santos, afirmou que apesar do fecho existe ainda a possibilidade de inscrever uma equipa.
“O processo de inscrição terminou no dia 12. Caso haja interesse e apresentarmos argumentos de razão poderemos inscrever. Além do 1º de Agosto, não recebemos qualquer intenção de outra equipa em participar”, disse o dirigente.
O Petro de Luanda falha pela segunda vez a participação na prova. Com 19 títulos, as petrolíferas ambicionavam o regresso à mais alta roda do andebol continental de clubes. Sabe-se que não existe possibilidade do clube disputar o torneio.
As militares que entram para competição na posse do título, com as tricolores ausentes têm meio caminho andado rumo à conquista de mais um troféu. Sem desprimor para as outras equipas, o Petro de Luanda era seguramente o principal adversário do 1º de Agosto, por se tratar dos dois maiores emblemas de África no que o andebol feminino diz respeito.

Domínio angolano

Com a participação das militares, está assegurada a hegemonia do andebol nacional. Na edição passada o 1º de Agosto, sob o comando técnico de Filipe Cruz, conquistou a taça ao derrotar na final por expressivos 42-25, o Asel do Congo Brazzaville, na cidade de Ouagadougou, Burkina Faso.
O resultado dilatado evidencia a superioridade das agostinas, que destronaram as petrolíferas em 2014, na época orientadas por Victor Tchicolaev. Angola domina desde 1997 a prova no sector feminino.

Tempo

Multimédia