Desporto

Pilotos correm em Ndalatando

Armindo Pereira

A cidade de Ndalatando, província do Cuanza Norte, é palco da segunda jornada do Campeonato Angolano de Motocross (CAM) “Speed Sem Limites 2017”, amanhã às 13h30, nos 250 cc (centímetros cúbicos) e 450, em moto quatro, numa organização da Federação Angolana de Desportos Motorizados (FADM).

Corredores de Luanda partem em vantagem
Fotografia: Vigas da Purificação | Edições Novembro

No final da tarde de ontem, uma comitiva da Federação partiu de Luanda para o palco da prova. Orlando Almeida, vice-presidente da FADM para o Motocross, mostra-se confiante no sucesso. Acredita que a presença do público vai motivar os pilotos.
De modo a tornar a festa mais inclusiva, a organização decidiu incluir motociclistas amadores locais vulgo “cupapatas”, nos 150 cc,  que vão correr a título de exibição. A província ainda não tem pilotos a correr nesta classe, no campeonato.
“São aguardados 25 pilotos nas duas classes. Decidimos incluir os cupapatas para alegrar os motociclistas daquela zona. Eles conhecem-se todos. Algumas vezes acabamos por viver momentos hilariantes com as suas performances. É também uma forma de promover a corrida”, avançou Orlando Almeida    O grosso da caravana segue viagem hoje às 8h00, por estrada, num percurso de 200 km. No início do mês, Orlando Almeida orientou os trabalhos de construção do traçado baptizado por Manuel Pacavira, antigo governador provincial.
Ainda hoje, o grupo de avanço vai tratar de aspectos ligados à vedação, para garantir a segurança da assistência e o embelezamento do recinto. “Vamos ter lá entidades ligadas ao Governo da província. A minha presença é precisamente para coordenar todos os aspectos ligados à corrida, de modo a garantir uma organização exemplar, que é apanágio da FADM.”
O município de Quilengues, província da Huíla, acolheu a 8 de Abril a prova inaugural da primeira edição do CAM, com a participação de 20 pilotos em representação das províncias de Benguela, Huíla, Cuanza Norte, Lunda Sul, Luanda e Huambo.

SAPO Angola

Tempo

Multimédia