Desporto

Plantel militar defronta hoje o Progresso em amistoso

Com o objectivo de elevar a capacidade competitiva dos jogadores, por força do interregno do Girabola Zap, o 1º de Agosto realiza às 8h00 desta manhã, no campo do RI-20.

Melhoria da finalização tem atarefado o plantel militar
Fotografia: José Soares | Edições Novembro

Um jogo amistoso diante do Progresso Sambizanga, no âmbito da preparação para o desafio com o Sagrada Esperança, referente à 22ª jornada da competição, no próximo dia 26, no Estádio Nacional 11 de Novembro.
Frente aos sambilas, os rubros e negros entram desfalcados. Dani Massunguna, Natael e Nelson da Luz estão ao serviço dos Palancas Negras,Tony Cabaça, Isaac e Geraldo recuperam de problemas clínicos.
Dragan Jovic e adjuntos aproveitam ao máximo o desafio com a equipa treinada por Kito Ribeiro para rodar o plantel, corrigir imperfeições e conferir “maturidade competitiva” aos jogadores, quando restam nove jornadas para o fim do campeonato.
Para os militares, o jogo diante da formação diamantífera e os restantes são decisivos para a manutenção do título. À semelhança da edição passada, o 1º de Agosto pretende levar a decisão do troféu até à última ronda da maior prova futebolística nacional.

Bom jogo treino
Em declarações ao Jornal de Angola, Ivo Raimundo Traça, treinador-adjunto do 1º de Agosto, disse esperar por um bom teste diante do popular clube do bairro Sambizanga: “Com a paragem do campeonato, os amistosos são importantes, para o alcance dos nossos objectivos. Vamos aproveitar o teste com o Progresso, para manter o ritmo competitivo da equipa”.
Na liderança com 47 pontos, o 1º de Agosto quer continuar à frente até ao último jogo, para conquistar o bicampeonato. “Este é o objectivo. Quem lidera pretende acabar bem. Sabemos que a tarefa que nos espera se afigura difícil. Penso que com o trabalho que temos vindo a fazer vamos seguramente revalidar o troféu”, garantiu o técnico-adjunto de Dragan Jovic.

Tempo

Multimédia