Desporto

Selecções homenageadas pela conquista do pódio

Os integrantes da missão angolana aos Jogos da Região Vforam homenageados ontem, pelo Ministério da Juventude e Desportos (Minjud), pela conquista das 51 medalhas, o que lhe permitiu conquistar a segunda posição do pódio.

Atletas conquistaram 51 medalhas no total, sendo 17 de ouro
Fotografia: Contreiras Pipa | Edições Novembro

A cerimónia aconteceu ontem,no cantinho do desportista, no Complexo da Cidadela, em Luanda.
Presente no acto, a ministra do Minjud, Ana Paula do Sacramento Neto, destacou os atletas pela conquista inédita e aproveitou a oportunidade para agradecer, em nome do pelouro que dirige, a missão que regressou ao país com vários troféus na bagagem, fruto como disse, do trabalho desenvolvido pelas federações e clubes.
A dirigente fez saber que o país está orgulhoso pelo facto de o Hino Nacional ser entoado várias vezes, pelas conquista angolanas nas diferentes modalidades. Ana Paula Neto aconselhou os atletas a continuarem a trabalhar na melhoria dos níveis desportivos. “A conquista passa pela formação e criação de escolas, quer média e superior, mas com quadros capacitados”, disse.
António da Luz, chefe da missão angolana, disse que o balanço foi positivo em função da segunda posição alcançada na prova, pela primeira vez.
“Nós conseguimos medalhar nas modalidades de futebol, boxe, atletismo, ténis, judo e natação, perfazendo um total de 51 medalhas”, afirmou António da Luz.
Os jogos  da região disputaram-se em Gaberone, capital do Botswana, em ambos os sexos. A África do Sul foi a primeira com 70 medalhas de ouro, 61 de prata e 14 de bronze, ao passo que Angola ocupou o segundo posto, com 17 medalhas de ouro, oito de prata  e 26 de bronze. Os anfitriões ficaram em terceiro no quadro geral com 12 de ouro, 24 de prata e 33 de bronze.

Tempo

Multimédia