Treinadores debatem futuro


19 de Maio, 2017

Fotografia: Paulo Mulaza | Edições Novembro

A adaptação do jogo de andebol às características dos escalões mais jovens e a implementação de regras pedagógicas para tornar as equipas mais competitivas são dois dos principais temas em discussão, hoje e amanhã, no fórum de treinadores que a Federação Angolana (FAAND) organiza nas instalações do Comité Paralímpico, na Cidadela Desportiva.

Com 20 treinadores convidados, a Federação junta distintas gerações de técnicos, com destaque para o dinamarquês Morten Soubak, actual seleccionador sénior feminino, Norberto Baptista, o primeiro a ocupar o posto, bem como Beto Ferreira e Gerónimo Neto, os treinadores que somam mais títulos ao serviço do sete nacional.
Aos veteranos juntam-se outros mais jovens, com serviço relevante prestado à modalidade, como Luís Chaves, actual seleccionador de cadetes femininos, José Chuma, adjunto de Edgar Neto nos juniores femininos, André Costa, técnico da equipa sénior masculina do Petro de Luanda, Júlio Caxito, Nelson Catito e William Almeida, responsáveis técnicos das selecções masculinas de juniores e cadetes, entre outros.
Durante dia e meio, vão estar à mesa temas cuja implementação pode proporcionar maior progressão à modalidade, segundo entendimento dos treinadores. O olhar dos especialistas está voltado, sobretudo, para os praticantes mais jovens, na perspectiva de adaptar a modalidade às suas etapas de desenvolvimento e permitir, deste modo, formar jogadores com maior qualidade técnica.
A possibilidade de encontrar identidade entre algumas ideias de jogo europeias e as concepções dos técnicos nacionais, por via da interacção com o actual seleccionador nacional, campeão do Mundo em 2013, na Sérvia, à frente do Brasil, é um dos principais focos de interesse do fórum.
Os principais responsáveis pelas selecções nacionais feminina e masculina, Morten Soubak e Filipe Cruz, têm manifestado preocupação face ao elevado número de erros técnicos das equipas angolanas. Segundo o programa do fórum, à procura de soluções pedagógicas para diminuir o percentual de perdas de bola, por carências de ordem técnica, vai igualmente atarefar os treinadores.

capa do dia

Get Adobe Flash player



ARTIGOS

MULTIMÉDIA