Desporto

Vila avalia progressão da Selecção de Sub-17

Armindo Pereira

A equipa masculina de Sub-16 do Vila Clotilde volta a testar as aptidões da Selecção Nacional de basquetebol feminina de Sub-17, hoje, a partir das 15h00, no Pavilhão Anexo II da Cidadela, tendo em vista a disputa do Campeonato do Mundo, em Minsk, Bielorrússia, de 21 a 29 de Julho.

Em declarações ao Jornal de Angola, a seleccionadora Elisa Pires disse acreditar que as jogadoras vão ter pela frente um adversário mais forte do ponto de vista competitivo e morfológico. A equipa técnica espera ter este grau de dificuldade, a julgar pelo nível das adversárias.
“Estamos numa fase em que precisamos de ter mais jogos nas pernas. Este segundo desafio será ainda mais complicado, porque o nosso gru-po é composto por meninas com 16 anos, e joga ante um adversário com mais agilidade e força, sem esquecer a capacidade de impulsão”, analisou a treinadora.
Ontem, no primeiro jogo dos três previstos para esta semana, a selecção venceu com relativa facilidade, a equipa masculina de sub-14 do Petro de Luanda, por 89-41, com favoráveis 42-22, ao intervalo. Elisa Pires minimizou o resultado, apesar da réplica oferecida pelo conjunto orientado pelo antigo internacional angolano Mário Belarmino.
Sábado, às 9h00, no mesmo recinto, o terceiro jogo será frente à Selecção Nacional de basquetebol feminina de Sub-18, que projecta o africano de Maputo.
Sara Caetano, Sortavida Barbosa, Cristina Lourenço, Helena Paulo, Nelma Cunha, Paula Andrade, Cácia António, Conceição Caetano, Tcheuzia Gonçalves, Maria Quipaca, Nara Andrade e Júlia Malebo, foram as jogadoras utilizadas na partida de ontem.

Tempo

Multimédia