Desporto

Xadrez: Adérito Pedro “cai” no ranking nacional

Uma década depois, o Mestre Internacional (MI) Adérito Pedro foi destronado do Ranking Nacional, divulgado no sítio da Internet da Federação Internacional de Xadrez (FIDE), pelo também MI Sérgio Miguel, noticia a Angop.

Mestre Internacional é considerado um dos melhores no país
Fotografia: Edições Novembro

Considerado um dos melhores atletas do país do jogo ciência, Adérito Pedro, do 1º de Agosto, tem 2.292 pontos, contra 2.377 do actual líder, conforme actualização recente da lista. Sérgio Miguel, atleta da Academia Sacri, tem evoluído nos últimos anos, estando próximo de alcançar o título de Grande Mestre, o que seria inédito para o país. Para o efeito, precisa de obter três normas e atingir a pontuação igual ou superior a cinco mil pontos exigidos pela FIDE.
Nas posições seguintes na lista, seguem o (MI) David Silva (Escola de Mestre João Francisco – 2.258 pontos), (MI) Eugénio Campos (Individual – 2.247), MI Catarino Domingos (ASA – 2.242), Candidato a Mestre João Simões (1º de Agosto – 2.228), MI Erikson Soares (Tubarõeszinhos – 2.206), (MI) Amorim Agnelo (1º de Agosto – 2.201), (MF) Eduardo Pascoal (1º de Agosto -2.184) e João Mário (1º de Agosto -2.181).
A classe feminina é liderada pela (MI) Esperança Caxita, do 1º de Agosto, com 1882.
A campeã africana é seguida, entre outras, pela Mestre Fide (MF), Ednásia Júnior (Macovi Sport Club - 1808 pontos), (MF) Luzia Pires (1º de Agosto – 1753) e pela Candidata a Mestre (CM) Delfina João (Individual -1728).

Tempo

Multimédia