Economia

Angola vai exportar banana

Guimarães Silva e Maiomona Artur | Panguila

A produção da banana impulsiona a diversificação da economia nacional por proporcionar milhares de postos de trabalho, ao mesmo tempo que reduz significativamente os níveis de importação daquela fruta bastante consumida no país, disse o governador da província do Bengo.  

Ministro fez a abertura da Feira da Banana
Fotografia: Maria João | Caxito

O governador João Miranda afirmou estar previsto que a feira, que encerra hoje e é organizada pelo Ministério da Agricultura e pelo Governo Provincial do Bengo, registe um volume de negócio de cerca de 250 milhões de kwanzas.
A  organização da quarta feira da banana de produção nacional, que reúne 150 expositores das províncias de Luanda, Bengo, Malanje, Uíge, Huíla, Benguela, Kwanza Norte, Kwanza Sul, Cabinda, Zaire, Huambo e Namibe, absorveu mais de três mil milhões de kwanzas,  repartidos entre o Governo Provincial e patrocinadores.
O ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Afonso Pedro Canga, disse que “existem ensaios para a exportação da banana para os países vizinhos, como a África do Sul, Namíbia e a República Democrática do Congo”.
Afonso Pedro Canga lembrou que a aposta do Executivo assenta na promoção da diversificação da economia nacional, com a realização de feiras de produtos agrícolas, pois o sector participa no combate à fome e à pobreza ao criar empregos, produzir alimentos e proporcionar rendimentos a produtores e famílias. O ministro prevê níveis elevados de produção de banana nos próximos anos.
Os quatros pavilhões onde estão expostos produtos agrícolas são os que registam maior volume de venda. Os diferentes tipos de banana de mesa e a pão são o destaque. Um cacho de 150 quilos pode ser adquirido a 1.500 kwanzas.
Além de mais produtos agrícolas, na feira do Paguila, nas proximidades do município de Cacuaco, estão expostos madeira e equipamentos de vários tipos, que entram directamente na cadeia produtiva. 
A feira do Panguila proporciona igualmente contactos para o fornecimento de tractores, alfaias agrícolas, equipamentos de rega de grandes dimensões, fertilizantes, gado e outros meios agrícolas. À margem da feira realizam-se seminários e palestras sobre “Oportunidade de Negócios nos Sectores da Agricultura e Indústria da Província do Bengo” e “A Situação Actual da Produção da Banana em Angola e sua Importância na Estrutura Socioeconómica".

Tempo

Multimédia