Economia

Banca prioriza cartões na venda livre de divisas

Os 120 mil dólares americanos/ano que os cidadãos têm direito a comprar, desde o dia 2 deste mês, aos bancos comerciais, para operações de natureza privada, como gastos com viagens e apoio familiar no exterior, poderão ser disponibilizados, preferencialmente, através de cartões de pagamento internacional.

Fotografia: Dr

Além de cartões de crédito, de acordo com a Angop que cita o Aviso 12/2019 do Banco Nacional de Angola em vigor desde o dia 2 de Janeiro, para as referidas operações cambiais de compra serão também permitidas as transferências bancárias, cheque nominativo não endossável ou outros instrumentos de pagamento internacional de natureza análoga.
Os cidadãos também poderão receber as divisas em numerário ou espécie, quando os valores se destinarem a custear despesas de viagem no estrangeiro, devendo as instituições financeiras disponibilizar as modalidades de pagamento mais adequadas à finalidade da operação.

Tempo

Multimédia