Economia

Cabinda e Zaire disponibilizam mais selos para a taxa de circulação

Uma acção conjunta de sensibilização, promovida pela Primeira Região Tributária com o envolvimento da Direcção de Viação e Trânsito e dos efectivos da Polícia Fiscal, que visa abordar os automobilistas e motociclistas, decorre nas províncias de Cabinda e Zaire, para incentivar os utentes a adquirirem os selos da Taxa de Circulação  dentro do prazo estabelecido.

O prazo para a aquisição de selos da Taxa de Circulação termina já dentro de 10 dias, em cumprimento do Decreto Executivo nº 660/17, de 27 de Novembro, do ministro das Finanças, que aprova a Taxa de Circulação 2017 em cobrança entre 1 de Janeiro e 31 de Março. 
Para essas acções foram montados quatro postos de abordagem e de sensibilização no município sede de Cabinda, em que estão envolvidos, em cada brigada criada, oito técnicos tributários, quatro efectivos da Polícia Fiscal e outros quatro da Polícia de Trânsito.
Cerca de 150 veículos automóveis e 30  motociclos foram interpelados na cidade de Cabinda, tendo recebido dos técnicos igual número de panfletos informativos. Actividades do género vão marcar a Primeira Região Tributária até o final do pe-ríodo de cobrança voluntária. Igualmente, serão de-
senvolvidas acções similares no interior das províncias de Cabinda e Zaire, para permitir que um grande número de automobilistas tenha acesso ao selo da Taxa de Circulação. />Um total de 300 mil selos da Taxa de Circulação estão disponíveis em todo o território nacional, para todos os veículos automóveis que já transitam ou que entraram em circulação até 31 de Dezembro de 2017.
Na actual tabela, a taxa para veículos em circulação em 2017 varia entre 1.850 kwanzas (motociclos de até 125 centímetros cúbicos) e 15.350 kwanzas, para viaturas pesadas do Tipo 2 (mais de 10 toneladas). Os pesados do Tipo 1 (até dez toneladas) pagam, na presente campanha, 10.450 kwanzas. Os selos para motociclos do Tipo 2 (de 126 a 450 centímetros cúbicos) pagam agora 2.450 kwanzas e os do Tipo 3, a partir de 451 centímetros cúbicos (cc), um total de 3.050 kwanzas.
As viaturas ligeiras com até 1.500 cc  pagam 4.300 kwanzas, os ligeiros do Tipo 2 (de 1.502 cc a 1.800 cc) 4.900 kwanzas, os do Tipo 3 (1.801 cc e 2.400 cc) 6.750 kwanzas e os ligeiros do Tipo 4 (a partir de 2.401 cc) 9.200 kwanzas. O selo da taxa de circulação para motociclos é de cor cinzenta, para veículos ligeiros é laranja, para pesados azul e isentas é castanha.

Tempo

Multimédia