Economia

Carapau apreendido por violação da veda

A Capitania do Porto do Lobito apreendeu sete toneladas de carapau na madrugada de ontem, no decurso de operações levadas a cabo por uma equipa da inspecção e fiscalização da Delegação Provincial das Pescas, noticiou a Angop.

Embarcações em infracção estão retidas no Porto do Lobito
Fotografia: DR

A agência citou o inspector-chefe daquela instituição, Anjo da Costa, a afirmar que 12 pescadores foram interceptados em flagrante delito, a bordo de quatro embarcações artesanais, a violarem o período de veda do carapau (Maio, Junho, Julho e Agosto), apesar de terminar este mês.
O responsável referiu que, como acção imediata, a equipa de inspecção levou o pescado para conservação em câmaras frigoríficas localizadas próximas do porto, onde foi imposta a atracagem das embarcações até à resolução do problema pelas autoridades competentes. Anjo da Costa disse que os pescadores têm cometido várias irregularidades em relação às normas da actividade piscatória, como documentação desactualizada ou em falta, fuga ao fisco e afastamento da costa para milhas proibidas, para a obtenção de lucro fácil.
Questionado sobre a multa a aplicar aos infractores, adiantou que “esta vai dos 50 mil a cinco milhões de kwanzas”, dependendo da avaliação de cada irregularidade.

Tempo

Multimédia