Economia

Censo agro-pecuário arranca em Fevereiro

A operação principal do Recenseamento Agro-pecuário e Pescas no país inicia em Fevereiro de 2020, informou ontem, em Caxito, o coordenador-adjunto do projecto, Anderson Jerónimo.

Autoridades querem saber o potencial exacto do país
Fotografia: Arimateia Baptista | Edições Novembro

O responsável, que falava na apresentação do censo na província do Bengo, disse que a operação, que vai contar com cerca de mil e 600 inquiridores, está orçada em 25 milhões de dólares, suportados pelo Banco Mundial.
Explicou que neste mo-mento estão a trabalhar para a formalização das comissões provinciais e gabinetes municipais do RAPP, acções de formação e capacitação dos mem- bros, dos supervisores informáticos, cartógrafos e agentes do campo. Anderson Jerónimo disse que o objectivo do censo é ajudar o Executivo na definição de políticas para os importantes sectores de actividade socioeconómica no país. Para tal, o censo fará o levantamento das actividades agrícolas, pecuárias e aquícolas, classificando-as em explorações familiares, empresariais ou grandes explorações.
O censo agro-pecuário é uma operação estatística de recolha, processamento e divulgação de dados sobre a estrutura da agricultura e pecuária, que vai ajudar as autoridades na tomada de decisões.

Tempo

Multimédia