Economia

CORRECÇÃO

O Jornal de Angola noticiou na edição de terça-feira, que o custo de aquisições públicas reduziu 42 por cento nos últimos três anos, em resultado da aplicação de Acordos-Quadro (AQ) estabelecidos pelo Ministério das Finanças.

Ministério das Finanças
Fotografia: KINDALA MANUEL |EDIÇÕES NOVEMBRO

Na verdade, trata-se de uma iniciativa piloto envolvendo oito entidades ligadas a esse Departamento Ministerial que proporciona poupanças na ordem de 42 por cento a tais unidades.
Nessa perspectiva, foram adjudicadas, por lote, três empresas na sequência de um concurso público.
Os dados foram apresentados pelo chefe do Departamento de Aprovisionamento Público da Direcção Nacional do Património do Estado, Jerson de Carvalho, e não director nacional adjunto do Património do Estado conforme referia a notícia publicada por este jornal.

Tempo

Multimédia