Economia

Duzentas empresas estão em exposição comercial

Arão Martins | Lubango

Um total de 200 empresas ligadas ao sectores de construção, agricultura, banca, comércio e prestação de serviços participam, desde quarta-feira a domingo, no Lubango, na 26.ª Expo-Huíla, um feira comercial e industrial que este ano se realiza sob o lema “Huíla, o futuro da produção nacional”.

Líderes institucionais da Huíla, Namibe e Bié na abertura
Fotografia: Arimateia Baptista | Edições Novembro | Lubango

O presidente da Associação Agropecuária, Comercial e Industrial da Huíla (AAPCIL), Paulo Gaspar, declarou na abertura do certame que a classe empresarial local vai continuar a denunciar a continuidade das más práticas nas transacções.
“Devemos, de forma responsável, participar denunciando a continuidade das  más práticas, na sua maioria herdadas da anterior governação”, afirmou Paulo Gaspar.
Nesta edição da Expo-Huíla, além de empresas nacionais, participam representações da Namíbia, África do Sul, China e Portugal, com as da banca e das telecomunicações a despertarem grande interesse entre os visitantes.
O Banco de Poupança e Crédito (BPC) proporciona serviços de abertura e movimentação de contas e lançou uma linha de financiamento para projectos viáveis nos sectores da agricultura, indústria, pescas, águas e energia.
O presidente do conselho de administração do BPC, Alcides Safeca, disse que este produto é destinado a microempresas com necessidades de investimento a médio prazo, de forma a apoiar a diversificação da economia nacional e rentabilização dos negócios.
A Unitel está a realizar demonstrações dos seus principais produtos e serviços, com destaque para a aplicação móvel App Unitel, a mais recente aposta da operadora, que permite aos clientes gerirem plataformas da rede sem precisarem de se deslocar a uma loja ou agente.
A delegada regional Sul da Unitel, Sandra Santos, explicou que ao aceder à plataforma, o utilizador pode consultar o seu histórico de carregamentos, o consumo actual dos serviços de voz, rede de dados, bem como o tarifário em vigor e aceder aos códigos pin e puk ou ligar directamente para o serviço de apoio ao cliente.
Os Serviços de Migração e Estrangeiros (SME), estão a emitir os passaportes, enquanto o Ministério do Comércio está a emitir os alvarás. O Instituto Nacional de Segurança Social tem todos seus serviços ao dispor, enquanto a Administração Geral Tributaria (AGT) montou o escritório capaz de emitir números de contribuinte.
A cerimónia de abertura contou com a participação do secretario do Presidente da Republica para a área Produtiva, Isaac dos Anjos, dos embaixadores da China e da Polónia, Cui Aimin e Piotr Mysliwiec, bem como dos governadores provinciais do Bié e Namibe, Álvaro de Boavida Neto e Carlos da Rocha Cruz.

Tempo

Multimédia