Economia

Economia digital melhora rendimentos

Angola precisa apostar mais na educação digital para consumidores e na criação de infra-estruturas sólidas para ter melhores rendimentos, afirmou recentemente, em Luanda, a secretária executiva da empresa BayQi, Fátima Almeida.

Fotografia: DR

Em entrevista à Angop, a empresária sublinhou que a aposta poderá aumentar o número de clientes activos, sendo igualmente necessárias a protecção
e a segurança no processo de compra por parte de qualquer utilizador do mercado digital. Realçou o facto de a banca angolana estar cada vez mais digitalizada, oferecendo mais soluções de pagamentos via internet.
Para participar activamente neste processo, informou que a BayQi está a criar um novo aplicativo que a empresa pretende lançar, que vai trazer mais confiança, sendo necessário transformar o digital mais fácil, afável para quem utiliza, procurando reduzir
o tempo e aproximar mais as províncias.
O mundo da digitalização do sistema permite maior controlo, quer por via dos transportes, saúde quer por outros sectores.

Tempo

Multimédia