Economia

Feira da Produção Local é realizada no Huambo

Justino Victorino | Huambo

O Huambo realiza, desde quarta-feira, a 1ª Feira de Produção Local (FEPROL), uma iniciativa do Governo provincial destinada a promover as potencialidades da região.

Governadores do Huambo (direita) e Bié (centro) na exposição
Fotografia: Esfrain Nunda

Ontem, o reitor da Universidade José Eduardo dos Santos, Cristóvão Simões, e a decana da Faculdade de Ciências da mesma instituição, Imaculada da Conceição, falaram das riquezas e oportunidades de negócio na província, num fórum inserido na FEPROL em que participaram cerca de 300 empresários de diversas províncias.

No fórum, foram destacadas as vantagens que o Huambo pode tirar das chamadas “terras raras”, localizadas nos municípios do Longonjo e da Chicala Cholanga, onde foram identificados fortes indícios.
Na abertura da feira, a governadora do Huambo, Joana Lina Ramos Baptista, afirmou que a FEPROL está alinhada com os principais eixos definidos pelo Executivo angolano, nomeadamente o Plano de Desenvolvimento Nacional 2018-2022 e o Programa de Apoio à Produção Nacional e de Diversificação das Exportações (Prodesi).
“Queremos parceiros fortes que revitalizem economicamente a província, já que a Feira de Produção Local visa, preferencialmente, estimular o surgimento de uma cadeia produtiva que impulsione a actividade económica”, disse Joana Lina durante a abertura do evento, que decorre no pavilhão Osvaldo Serra Van-Dúnem.
Entre outros atractivos, a FEPROL inclui uma exposição de gado que contará com a participação de criadores das províncias do Huambo, Bié e Benguela.

Tempo

Multimédia