Economia

Feira das Pescas abre na próxima semana

Ana Paulo

O Ministério das Pescas e do Mar anunciou ontem, em conferência de imprensa a realização, entre os dias 29 do corrente e 1 de Setembro, da terceira edição da Feira Internacional das Pescas e Aquicultura de Angola (FIPEA), em Luanda, na qual participam, entre outros países, a Noruega e Portugal, que já se inscreveram para o evento.

Organização prevê juntar na feira mais de cem expositores
Fotografia: Vigas da Purificação | Edições Novembro

Sob o lema "Revitalizar o Sector, Rumo ao Desenvolvimento", a feira que decorre nas instalações do Porto Pesqueiro, em Luanda, de acordo com o director Nacional das Pescas, António Barradas é mais uma oportunidade para expor as potencialidades do país no sector pesqueiro.

Em declarações à imprensa, ontem, António Barradas, disse que um dos objectivos da feira é reforçar a atractividade do país ao investimento estrangeiro e o reforço das parcerias entre empresários nacionais e internacionais.
Para este ano, segundo o director nacional das Pescas, são esperados na feira mais de 100 expositores, entre nacionais e internacionais, sendo que 67 empresas das províncias de Cabinda, Namibe, Zaire, Bengo, Luanda, Cuanza Sul e Benguela já confirmaram presença.
Do exterior, referiu, são esperadas empresas da Namíbia, Gana, Noruega, Portugal, tendo os dois últimos países já confirmado a sua presença.
O porta-voz da FIPEA, António Barradas, disse que o evento tem ainda reservado uma área específica para "Pequena Praça de Peixe", com capacidade para 20 vendedoras ambulantes.
A primeira Feira Internacional das Pescas e Aquicultura de Angola (FIPEA), foi realizada em 2014, em Luanda e contou com a presença de 80 expositores, 16 dos quais provenientes dos Estados Unidos da América, Alemanha, Brasil e Noruega. A segunda edição, aconteceu em 2015 também em Luanda.

Tempo

Multimédia