Economia

Governador do BNA presente no encontro

O Governador do Banco Nacional de Angola (BNA), José de Lima Massano, apresentou na “Cimeira África 2018,” que teve lugar em Londres, domingo e segunda-feira, os desenvolvimentos recentes da economia nacional, destacando os avanços mais relevantes no âmbito da implementação do Programa de Estabilização Macroeconómica.

José de Lima Massano falou da evolução económica do país
Fotografia: Contreiras Pipa | Edições Novembro

No evento subordinado ao tema “Africa Means Business”, organizada pelo jornal Financial Times, José de Lima Massano enfatizou os resultados que o país vem conhecendo nos domínios da política mo-netária e cambial e da organização e funcionamento do sistema financeiro.
O governador do BNA mencionou a adopção de regras mais eficazes de monitorização da banca, anunciando a realização de nova avaliação à qualidade dos activos dos bancos comerciais que poderá induzir à consolidação da banca por necessidade de adequação de capitais.
Participaram no “Africa Summit 2018”, entre outras personalidades, os presidentes da República do Gabão e o do Ghana, os ministros da Administração Pública da África do Sul, das Finanças do Ghana e dos Negócios Estrangeiros e Comércio Internacional do Zimbabué, o presidente do Banco da América, Mo Ibrahim fundador da Fundação Mo Ibrahim, e Tony Blair, ex-primeiro-ministro da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte.
À margem do evento, o governador do BNA reuniu com operadores do mercado financeiro de Londres e com investidores com interesse em África, em eventos organizados pela “Chatam House” e a “África Investors”, tendo-se destacado as acções em cur-so que visam a melhoria do ambiente de negócios no país e compromisso com a estabilidade do sistema financeiro, incluindo o reforço do quadro normativo e operacional de combate ao branqueamento de capitais e financiamento do terrorismo. 

Tempo

Multimédia