Economia

Embaixador anuncia missão empresarial

O quadro de estabilidade política e social de Angola oferece condições para o sector privado queniano formar parceiras em Angola, considerou o embaixador no Quénia ao anunciar, ontem, em Nairobi, a vinda de uma missão empresarial daquele país.

Syanga Abílio revela fórum bilateral de 23 a 26 de Julho
Fotografia: DR

Sianga Abílio disse ao canal de televisão queniano KTN News que a delegação de homens de negócios se desloca dentro de dias a Luanda para participar no Fórum de Negócios e Investimentos Angola-Quénia, previsto para o período de 23 a 26 de Julho.
O encontro, segundo o embaixador, visa proporcionar aos representantes do sector empresarial privado dos dois países um “palco” para interacção, identificação de oportunidades de negócios e troca de experiências.
O diplomata avançou que os empresários quenianos manifestam interesse em estabelecer parceiras nas áreas da Educação, Agricultura, Saúde e Turismo, ao mesmo tempo que Angola precisa da experiência queniana em matéria de diversificação da economia, podendo partilhar a sua vasta experiência no sector petrolífero, uma área em que o país da África Oriental começa a dar os primeiros passos.
Para além do sector dos Petróleos, a madeira e os produtos pesqueiros angolanos são outros dois sectores que poderão interessar aos homens de negócios do Quénia, na perspectiva do embaixador em Nairobi.
O estado da cooperação bilateral é marcado por encontros mantidos entre os Chefes de Estado de Angola, João Lourenço, e do Quénia, Uhuru Kenyatta, mesmo não sendo a nível de visita de Estado, havendo um acordo assinado entre os dois países que prevê o estabelecimento de uma comissão conjunta para cooperação e que serve de base política segura para o lançamento da vertente económica.

Tempo

Multimédia