Economia

Fornecimento da Total é de 1,2 milhões de toneladas

Os fornecimentos de gasolina à Sonangol envolvidos nos acordos assinados sexta-feira com a Total, atingem 1,2 milhões de toneladas por ano.

O presidente do Conselho de Administração da petrolífera angolana, Carlos Saturnino, afirmou que o país gastava cerca de 50 milhões de dólares por semana com a importação de combustíveis, valores que poderão ser reduzidos com o contrato que subscreveu com o director-geral da Total Angola, Laurent Maurel.
A petrolífera estatal também seleccionou a britânica Glencor Energy para a importação de gasóleo e diesel para a Marinha. Angola importa 75 por cento de refinados de petróleo que consome.

 

Tempo

Multimédia