Economia

KPMG Angola participa na busca do 4º operador

O grupo de trabalho interministerial, criado, em Abril, pelo Presidente da República para abertura de um novo concurso para atribuição do 4º Título Global Unificado para Prestação de Serviço Público de Comunicações Electrónicas, contratou a empresa KPMG Angola para avaliar todas as peças do processo e as propostas dos interessados, anunciou, ontem, em comunicado, o Ministério das Finanças.

Empresa vai prestar apoio na realização de roadshows
Fotografia: DR

“A KPMG prestará consultoria especializada na apreciação e revisão de todas as peças de suporte do concurso, bem como na apreciação das candidaturas, na avaliação das propostas e na preparação do processo de concessão”, lê-se no comunicado.
A empresa, refere o documento, prestará igualmente apoio para a divulgação internacional do concurso, a fim de captar o interesse de grandes operadores mundiais de telecomunicações.
Para orientar todo o processo do concurso, lê-se no documento, a KPMG elaborará um estudo sobre o mercado das Tecnologias de Informação e Comunicações em Angola, tendo como base o Livro Branco das Comunicações Electrónicas.
O documento salienta que o anúncio de abertura do concurso será oportunamente divulgado e que a tramitação do procedimento do concurso decorre na plataforma “Sistema Nacional de Contratação Pública Electrónica”, para que melhor se assegure a transparência, a eficiência e a eficácia do concurso.
“Estamos esperançados que, num tempo razoável, este novo concurso enriqueça o país com um novo operador de comunicações electrónicas, com relevante capacidade financeira e tecnológica”, lê-se no documento.O grupo de trabalho, criado pelo Despacho Presidencial n.º 61/19, de 30 de Abril, integra os ministros das Finanças, das Telecomunicações e Tecnologias de Informação e da Economia e Planeamento.

Tempo

Multimédia