Economia

Larvicultura é retomada no Mucoso

O Centro de Larvicultura do Mucoso, na província do Cuanza-Norte, retomou a produção de tilápia e alevinos no passado mês de Agosto, após seis meses de paralisação derivada de restrições no fornecimento de água e ração, noticiou a Angop.

Fotografia: Edições Novembro

A infra-estrutura, situada na comuna de Massangano, município de Cambambe, conta com uma capacidade instalada para produção anual de 350 mil toneladas de peixe tilápia (cacusso) e dois milhões de alevinos por ano.
Em declarações à imprensa, no Dondo (sede municipal), o responsável do projecto, António Escórcio, precisou que depois de ultrapassados os constrangimentos que estiveram na base da paralisação, a produção normal foi retomada há menos de quatro meses, tendo sido produzidos
800 mil alevinos.
Anunciou que o projecto, actualmente gerido pela empresa Nilatica, de direito angolano, emprega 19 técnicos de nacionalidade angolana e produz 40 por cento da sua capacidade instalada, de 350 mil toneladas.

Tempo

Multimédia